Para aqueles que não atentam ao absurdo que vem acontecendo na Venezuela e possivelmente se espalhará para a Bolívia. Hoje na Venezuela, pessoas passam fome e tentam fugir do regime autoritário, conhecido como socialismo. Divulgo no Facebook e sei que não tenho muita abrangência. Todos aqueles que de alguma forma respeitam a vida, tem compaixão, acreditem ou não em Deus, tem que lutar nessa guerra. Eu e muitos amigos meus lutam com informações e dados históricos que são irrefutaveis, utilizando o Facebook, Twitter, Instagram. … para combater o sofisma cultural exercido por anos, somos poucos eu sei e os comunistas são muitos. Acreditem tudo que eles querem é oque está explícito nessas fotos. Aliás essas fotos são o efeito socialista na Ucrânia de 1932 a 1933. Episódio conhecido como (Holomodor) Josefh Stalin matou de fome mais de 7.000.000 de pessoas em um único ano. A Venezuela caminha na mesma direção e se nós o povo Brasileiro não acordar iremos neste mesmo caminho. Se você acredita ou tem alguma preferência por partidos ou políticos da esquerda lembre dessas fotos. Não acreditem em utopias, construções sociais, lupenproletario, comunismo e socialismo… O comunismo, nazismo, fascismo e socialismo, é tudo farinha do mesmo saco mudam uma virgula aqui um ponto ali, o fim é o mesmo mortes e controle total do povo. Todas essas ideologias ja se mostraram ineficaz, genocida, autoritário e mentirosa. Me respondam. Quem pode acreditar em um homem ou partido, que após todas as atrocidades feitas nesses regimes, ainda os apoiam? Me perdoe. Mas ao meu ponto vista, se alguém apoia esses regimes só podem ser 3 tipos de pessoas. 1. A ingênua. 2. A burra 3. A mal caráter. Para os 2 primeiros indivíduos ainda tem salvação mas ao 3° que vá para Venezuela. Por isso prestem atenção em politicos que declaram apoio a Maduro, Evo Morales, Raul Castro, Kim Jong-un, Xi Jiping ou quaisquer outra país que atenta contra as liberdades individuais ou a instituição familiar. Pense em quem você votará, reflita, estude seu candidato, não se deixe levar pelas figuras de linguagens que nos foram impostas durante 32 anos de governo esquerdista. Os socialistas não querem o bem do país ou de seus cidadãos, querem o bem do partido. Essa é a religião deles. Em 100 anos o socialismo matou mais que as duas guerras mundias e todas as catástrofes naturais até hoje. Mas eles ainda acreditam nesta ideologia nefasta. Eles crêem tanto nela que, para ganhar mais força exaltam o Islã, na clara intenção de subjulgar os Cristãos. Mesmo que isso custe suas próprias vidas. É preciso lutar a uma guerra não declarada, uma guerra cultural. Onde a maioria do povo Brasileiro fora sequestrado inconscientemente. Lutamos a guerra de classe todos os dias sem nos percebermos, aturamos decretos e mais decretos com mansidão e subordinação quase insana, assistimos com apatia ao caos e a violência instituída, e o pior ainda a dezenas de milhões que os protegem. A vida sem luta é um mar morto no centro do organismo universal. (Machado de Assis)

Destaque

O novo Adão no Jardim das ideias

A aventura das ideias perante a ignorância pretensiosa, é um banquete irrecusável aos jardineiros ocultos. Os fundamentos inorgânicos dos indivíduos, é uma diversão digna de risos. A perseverança dos frutos ratificados como senso comum, é um sintoma visceral da consciência coletiva, uma anátema social triste. 

O novo Adão dispensa os conceitos e toda construção indispensável da sociedade, por um prazer infantil de liberdade irascível. Toda a sua estrutura psíquica é organizada e intuída de seu próprio ser, do qual as construções fidelizadas pelo tempo e por sua empiria, não afetam seu campo ideário. Concebido por si próprio, sem qualquer agente oculto ou mesmo visível, o novo Adão é sua própria ideia e seu próprio precursor. Suas objeções, são ensaios lúdicos elaboradissimos de suas convicções primais. A de se sorver, da excentricidade de si próprio, os conceitos unilaterais. 

Como pudera Adão não ser criador de si próprio? O novo Adão é o Senhor de si, de suas convicções e não há nada que Adão não tenha intuído sozinho, afinal ele interage só no jardim e todos os frutos são suas criações. 

Isso é um anagrama cônscio dos jardineiros ocultos. 

Adão está perdido.

O novo Adão, busca incansavelmente sua identidade, no Jardim das Ideias. 

No entanto, as idéias não se constituem por si mesmas, sua construção necessita de conjunções, adaptações e intuição. As origens são as mais variadas e a falta da concepção de que, não há um novo Adão no campo das idéias, deve ser estimulada. Do contrário, Adão será tragado pelo ego e seu complexo napoleônico. A percepção de si próprio perante o espelho, como o único ser real é uma construção mesquinha e solitária. 

É indivisível do “novo Adão” a verdade inata. Mas Adão escolheu não ver oque é inato. Sua cegueira psíquica o deixa tateando em meio aos espinhos, por simples vaidade. Adão tem orgulho e contempla suas construções individuais e sem interferência externa. Todas suas epifanias tem origem intrasacerdodal, o’que há de se absorver, que Adão não possa criar por si? Nada! Adão erigiu um altar no jardim a ele mesmo. Pois d’ele provém toda a síntese e a compreensão universal. Pois ele é único e tem uma ideia própria. 

O que Adão não sabe, é que os jardins das idéias próprias é o novo dogma das consciências. Um mero efeito de propaganda dos baby boomers com o slogan “pense por si mesmo” afinal tudo é relativo. Um ótimo slogan para um movimento universal inorgânico, fabricado por jardineiros hábeis e silenciosos, que implantaram através do efeito histérico, a concepção de que a verdade é você quem cria. 

Afinal, somos todos um novo Adão no Jardim das ideias 

O novo Adão deve acordar do transe objetivista, caso permaneça no transe,  jamais terá a experiência do verdadeiro eu. 

Acorde Adão, este Jardim já foi cultivado e dá frutos. Procure seus cultivadores e analise seus frutos. O Jardim das ideias necessita deverás mais cuidado que o jardim do seu quintal. As daninhas do quintal matam as flores. Mas as daninhas das idéias matam a consciência. 

Salvem os maus

Quando acho que o Brasil não pode ser mais estúpido, chega um órgão público e me surpreende. É de cair o cu da bunda!
A militância de esquerda dentro dos órgãos públicos é mais que evidente! Romantizaram tanto os criminosos nas novelas, séries e nas escolas, colocando a pecha de oprimido da sociedade, com a grande influência Freriana, que aqueles que deveriam defender a sociedade de psicopatas como este, prestam culto ao mesmo.
Essa psicopatia social que vemos em larga escala nas universidades, escolas, meios de comunicação e etc… tem como objetivo a destruição da sociedade ocidental como a conhecemos. A luta destes psicopatas não é contra o sistema capitalista. Mas sim contra a tradição e os costumes dos quais foram fundados o ocidente. As narrativas implantadas na cabeça de jovens estúpidos, que não tem a capacidade de diferenciar oque é real da ficção anacrônica, ecoam em suas massas cinzentas, como um alívio imediato para suas frustrações pessoais. Podendo assim submete-los como cães, aos dogmas revolucionários mais abjetos.
Esse malabarismo retórico constante, obstrui toda a capacidade intuitiva dos indivíduos através da pressão, da espiral do silêncio e da intimidação popular. Enquanto os brasileiros se omitirem de expor ao ridículo a esquerda esquizofrênica, ela ganhará espaço dentro de sua própria casa, cooptando seus filhos, sobrinhos e netos. Nossa falta de confronto retórico pessoal, com essas anomalias ficcionais, as tornam fortes e povoam as consciências despreparadas.
As escolas, universidades, guetos virtuais e etc… servem para um propósito, alienar.
A caça, a pessoas que pensam de forma independente começou a muito tempo. A lei Merkel que o diga. Além é claro da supressão da verdade, como forma de guerra política comunista, temos outros monstros que manipulam a opinião pública através da desinformação e da relativização moral.
Toda essa estrutura de conformidade através da manipulação retórica, só é possível, por causa de sua covardia ao se deparar com a mentira, e não a expô-la ao ridículo imediatamente.

“E disse DEUS haja luz” 

  De todos os ataques promovidos por ideólogos, filósofos e uma miríade de ” pensadores”, o maior deles é o ataque frontal contra a liberdade de expressão. 

  O politicamente correto e a polidez exacerbada de influenciadores, sejam digitais ou não, destrói a capacidade intelectiva dos indivíduos já na adolescência. Colocando nos mesmos o verdadeiro horror de desagradar seus influenciadores, amigos, colegas e etc… 

  A linguagem é e sempre será o método primordial das mudanças na sociedade. Atentar contra a liberdade de expressão, ainda que com ares virtuosos, é sem sombra de dúvida uma tentativa desesperada de calar-nos. As implicações dessas intervenções pontuais da linguagem, a longo prazo, ou em uma geração, criaram regimes perversos que mataram e torturaram centenas de milhões de pessoas.

  No Brasil começou em meados de 1990 retirando livros das escolas, em virtude da polidez e do politicamente correto, não é atoa que assistimos com facilidade, pessoas ensandecidas com a linguagem de outrem enquanto se adequam a violência e as ladroices de outros por causa da linguagem polida.

  Essa aberração seria impossível, se não houvesse uma estrutura peremptória adequando a linguagem conforme a voracidade do poder. As implicações destes ideais vão muito além do imaginário popular, que obviamente verá esta adequação como algo bom e moderador. Mas na verdade é um modo perverso de cooptar o imaginário popular e criar dispositivos capazes de engessar não só a linguagem, como o pensamento. Uma vez que as ideias circundantes sejam sempre às que satisfaçam a vontade da miríade de “pensadores” o efeito manada cuidará do processo de intuição, descartando do indivíduo quaisquer processo de imaginação literária do qual ele não possa ser inserido. 

  O que de fato nós temos de compreender é que a linguagem molda a sociedade e tem um peso comportamental imenso. Vejo com muita atenção o texto em Gênesis do qual eu coloquei no título, “E disse DEUS”. A importância da linguagem é divina. Veja, DEUS precisava falar “e haja luz”? Penso que não, ELE é o SENHOR de todas as coisas ele poderia ter só pensado e as coisas existiriam. Mas ELE falou “e haja luz” o que implica diretamente na importância divina da linguagem. Quando leio o evangelho do apóstolo João, essa importância se torna mais evidente, “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.”,”o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade.” Essa implicação da linguagem é extremamente profunda, demonstra a força incomensurável da língua de agir, às vezes para o bem e outras para o mal.

  Portanto, modelar a linguagem conforme as miríades “pensantes”, dizendo como você deve ou não falar, pensar ou compreender a língua é uma verdadeira ofensa intelectual e uma violenta agressão à liberdade. Não se deixe cair em esparrelas desta estirpe. Defenda suas posições ainda que lhe custe caro. A verdade é cara. Justamente por isso nosso SENHOR pagou um preço tão caro.

Novus ordo seclorum

    

  Daí glória a Nova Roma! Eis a festa dos tiranos. Daí glória a Nova Roma! Com seus Césares ocultos pela ONU.  De hoje em diante terás que oferecer sacrifícios aos deuses da Nova Roma. Daí glória!

   Daí a glória aos doutos e iluminados Césares. Daí glória! Daí glória a “ciência”, que nos prende em casa em virtude de seu dogma cônscio do lockdown. Vamos celebrar as consciências compradas por lobby farmacêutico, amanhã vai saber. Vamos bater palmas sobre as mentiras reproduzidas de forma grosseira na Globo, SBT, Record e na imprensa em geral. Vamos nos imbecilizar através de afagos corporativos e monopólios estabelecidos a séculos. A Nova Roma agradece sua estupidez!

   Nada novo debaixo do sol! Assim como na antiga Roma pedia sacrifícios de incensos perante as estátuas dos Césares, assim é hoje. No entanto os sacrifícios são outros, são os da sua consciência, através do politicamente correto. 

  Nada novo debaixo do sol! Assim como na antiga Roma, todos os pagãos ofereciam tais sacrifícios de incensos, perante as estátuas. Os Césares deviam ser tratados como deuses, pois almejavam o status de Alexandre o Grande, que difundiu a cultura helênica, a qual se tornou um dos pilares romanos. Mas, Alexandre o Grande não almejava ser um deus, como seus sucessores, esse status era atribuído a ele por sua misericórdia com os povos conquistados. Porém os Césares eram desejosos da deidade, então, obrigavam os povos conquistados a prestar-lhes sacrifícios e todos faziam exceto os Cristãos, que passaram a serem perseguidos, censurados, tinham suas línguas arrancadas e igrejas fechadas. Passado alguns anos, vendo, que os Cristãos ainda assim não se ofereciam sacrifícios, passaram a prender  todos, como subversivos e radicais. O resultado? Milhares de Cristãos mortos em cruzes, queimados, decapitados, servidos como banquete para leões e tigres e etc…

  Qual a semelhança com oque acontece hoje? Bom, devemos trocar os sacrifícios dos incensários pelo sacrifício da consciência, a Nova Roma está pedindo o sacrifício da sua consciência através do politicamente correto. Tente escrever algo fora da cartilha em suas redes sociais, na escola, no trabalho ou outro ambiente social, invente andar sem máscara no centro de sua cidade ou em algum estabelecimento. 

  O novo normal é uma regra essencial para consciências desvirtuadas como os Cristãos. Esses subversivos pregam a palavra de DEUS e que defendem a vida e sua individualidade. Não existe sacrifício maior que matar a concepção da verdade! -Mas a verdade é subjetiva. -Isso não passa de retórica vazia de alguém que não sabe nem mesmo ler. Se assim fosse não pediriam sacrifícios da nossa linguagem e concepção histórica. 

  A bestialidade da Nova Roma convém aos corruptos, a prostituição, a ignomínia e a todo o mau caráter. Dando a eles virtudes sociais, através dos sacrifícios oferecidos a Nova Roma. Uma vez que sua concepção de virtude já não existe mais, suas pretensões são tão somente concupiscências de seu próprio ego. O que esperar de tais sepulcros criados. Tem aparência virtuosa, mas são podres por dentro. A ponerogênese está em suas entranhas.

  Em 2021, nestes 10 primeiros dias foram assassinados 600 Cristãos, dados oficiais, sem contar mortes que não são oficializadas, como nos campos de concentrações chineses, africanos e islâmicos. Morreram pelo simples fato de serem Cristãos. E como o ocidental reage a isso? Com a Nova Roma, não basta caçar Cristãos no oriente, terão que caça-los no ocidente também. Afinal eles são monstros que não se curvam perante os novos deuses da Nova Roma.

  Tudo começa pela espiral do silêncio, tirando dos Cristãos seu maior meio de ação que é o ide e pregai o evangelho a toda criatura. A partir de agora as referências a Cristo são tratadas como extremistas religiosos, fascistas, nazistas, reacionários, retrógrados e tantas outras adjetivações. Quando conseguirem convencer os demais, que não compreendem essa luta contra satanás. Então a Nova Roma passará a imolar o Cristão no altar da nova religião civil (A Nova Roma) ou a NOM (Nova Ordem Mundial)

  Quando isso se fizer presente, será tarde para o desatento. Infelizmente o inferno já terá consumido sua consciência e sua capacidade de enxergar a verdade, que é CRISTO NOSSO SALVADOR!

  DEUS VULT

Os Genocidas

O aborto é um ritual satanista! Não podemos esquecer o que nos fala a Bíblia, sobre o deus dos amonitas, Moloch, o qual era oferecido sacrifícios de bebês, os quais eram queimados vivos. Devemos lembrar e entender também que muitas feministas usam as cores e se vestem como no “sabá das bruxas”, que ofereciam bebês para serem devorados por um demônio que assumia a forma de um bode. Coincidência? Acho que não! Todas as culturas pagãs e até mesmo as elites faziam e ainda fazem tais sacrifícios.

  Você acha isso absurdo? Não acredita que esse tipo de prática aconteça ainda hoje? Sinto muito lhe informar. Mas estes sacrifícios são mais comuns do que você possa imaginar.

  Por ano, mais de 50.000.000 (milhões) de mulheres matam seus próprios filhos no ventre. Além é óbvio dos bebês, que são sacrificados em rituais satânicos mundo afora, que não entram nesta estatísticas. Se você acha que estou mentindo, dá uma pesquisada aí. Você irá se surpreender com as atrocidades feitas a crianças, por pessoas que almejam favores de Satanás.

  Poucas pessoas leem ou procuram a verdade. Preferem ouvir o jornal e escutar “especialistas”, que têm contratos bilionários para defender causas que só interessam a elite global. Você acredita que algum desses iluminados como os Gates, Rockefeller, Rothschild, Soros entre outros mandam seus filhos e filhas abortarem seus bebês? Obviamente que não! Como eles poderiam perpetuar suas fortunas e sua influência sem seus sucessores?

  Enquanto o ocidente aborta e mata seus filhos o oriente, principalmente o Islã, mantém a expansão demográfica tendo entre 4 a 10 filhos por casal. Não parece óbvio o fim do ocidente?

  Quando vejo pessoas defendendo o aborto, percebo duas características, estão mal informadas ou são mau caráter. Na minha concepção este debate nem deveria vir à tona, acredito que isto já era implícito no contrato social (NÃO MATARÁS). “Salvo em raras ocasiões quando há risco para a gestante”

  Desculpe, mas tudo que vejo é lobby farmacêutico (visto que é uma prática que gira bilhões de dólares todo ano), satanismo e assassinato. 

  Um feto humano jamais será um potencial humano, ele é um ser humano em essência e não é uma extensão do corpo da mulher, ele é um corpo estranho dentro do corpo da mulher, se não fosse a placenta corpo feminino o expeliria. 

  Se você acredita que um feto não é um ser humano, tenho que lhe fazer uma pergunta. Vamos concordar que ele (feto) é um potencial humano, isto significa que você crê que ele pode vir a ser um ser humano. Correto? Beleza, então você conclui que embora ele seja um amontoado de células a sua potencialidade é se tornar um ser humano. Correto? Então por essa perspectiva de que um feto se tornará um ser humano, conclui-se que você não tem certeza de sua humanidade, mas da sua potencialidade para se tornar um humano. Visto que sua potencialidade já é estabelecida, temos que refletir sobre qual porcentagem eu posso ou não ser um assassino! Se assumir, que um feto deverá ser um humano com o passar do tempo, conclui-se que estou condenado à morte algo que posteriormente será um bebê. Ou seja, não houve sequer defesa para o julgamento deste feto em desenvolvimento. O feto se tornou culpado pela concepção de outro, o feto não concebeu a si mesmo, mas terá que pagar por um erro de outro.

  Esta discussão já está vencida! Muitos acreditam que a culpa não seja dos progenitores que foram irresponsáveis, mas do bebê que cresce no ventre, desprovido de defesas físicas e sem que tenha voz para se defender. Quando a morte de alguém inocente pode ser a saída? O mais tenebroso é que os mesmos que defendem o aborto, são aqueles que defendem genocidas, estrupadores, homicidas, pedófilos e os maiores psicopatas da sociedade! 

DAVI

Ilusão imbecil usar a lei ou a ordem contra aqueles que não as reconhecem! As instituições para os globalistas marxistas, não passam de verniz para revesti-los de poder. Quando eu digo que Bolsonaro é um frouxo, me refiro a isso. Não adianta nada ele mostrar a Constituição e todo aparato do “direito democrático” para seus opositores, eles cagam para isso.

  Bolsonaro e Trump são dois homens lutando de facas, em uma luta de ak-47. 

  O governo mundial é uma realidade que se avizinha, o fórum de Davos deixou isso claro.

  Quando eu falava a um ano atrás, que era necessário medidas mais contundentes contra o deep state (stablishment), era exatamente disso que eu estava falando. Nenhum conservador conseguirá travar uma luta contra o globalismo, usando medidas legais que eles mesmos criaram. Isso deveria ser óbvio. A superestrutura globalista já tem quase um século de propaganda e infiltração, na cultura, nas instituições, nas escolas, nas igrejas, todo o aparato estatal, e principalmente dos militares, criando assim a estrutura “democrática” de modo a servi-los. Lenin e Stalin entendiam que o poder não viria do povo e sim da “legitimidade” da mídia, não à toa o Garganta era o porta voz de Napoleão em a Revolução dos Bichos, que dava um verniz aos arroubos autoritários de Napoleão.

  Já havia previsto que Trump cairia, quando o Supremo Americano, rejeitou as alegações do Texas. (Quem convive comigo sabe). No entanto, nutria em mim alguma esperança por parte dos republicanos. Mas agora que os covardes entregaram o jogo, para aqueles que compraram o juiz, não há muito o que fazer. 

  Com a queda de Trump é questão de tempo, a queda de Bolsonaro, a perseguição descarada dos opositores da esquerda, aos Cristãos e aos isentos. Não quero dar uma de profeta, mas avisei que aconteceria uma grande turbulência mundial em 2021, lá em 2017, 2018, acabou vindo mais cedo do que eu imaginava, com o coronga. Isso significa que a agenda avançou mais rápido do que eu previa, e minha previsão já era ruim. O GREAT RESET não é brincadeira e acontecerá mais rápido do que eu imaginei. A queda de Trump, me mostrou que os metacapitalistas têm um poder descomunal. 

  Fico atônito com todo esse processo de transmutação das ideologias de esquerda, que para mim parece tão óbvia. Como a luta pelo proletariado se transformou em morte para os mesmos? Obviamente a propaganda era a causa, nunca foi desejo de nenhum comunista dividir o poder com o povo. A realidade não pode ser questionada. O movimento gerou bilionários, enquanto esmagava os trabalhadores e hoje por incrível que pareça os bilionários compraram a esquerda como movimento de legitimidade para suas pretensões globais, aumentando seu poder e destruindo opositores. Como você explica para um militante de esquerda, que os partidos, ONGs, mídia e outras são financiados por multimilionários? E que a intenção deles é ganhar mais dinheiro e mais poder? Como conseguem ser tão cegos. Nem queria falar direita ou esquerda. Queria falar com pessoas comuns, que não se veem como de direita ou de esquerda. Como essas pessoas não enxergam?

  Aos que acreditam em nosso SENHOR JESUS CRISTO peço que orem pelo nosso país e se você tem condições de sair das grandes metrópoles e grandes cidades, saiam, serão as primeiras a serem afetadas pelas políticas mundiais, que serão adotadas daqui em diante.

Creia

A Nova Ordem Mundial se avizinha, suas aspirações se tornaram reais, estamos caminhando para a distopia mundial.

 Escravos do medo, da ganância e da perfídia.

 Os mecanismos de manipulação coletiva, atrofiou a capacidade cognitiva das pessoas, substituindo o verossímil, por elucubrações utópicas e deificadas. 

 O simples fato de um homem andar dentro de seu carro sozinho, com os vidros fechados e usar máscara, já nos mostra o tamanho da manipulação psíquica que a NOM impôs ao mundo. 

 A que ponto chegamos! Terceirizamos nossa segurança, nossas virtudes e nossa capacidade de pensar a entidades, ideologias e pessoas sem pestanejar, compramos suas narrativas, suas ideias e seus ideais.

 Nosso estado de dormência perante as ações da NOM, lhes deu a oportunidade que precisavam, enquanto acirraram dentre seus próprios núcleos sociais, instigados pelo progressismo, a NOM encaminhava sua manobra de poder. Os únicos a se opor devem ser esmagados pela espiral do silêncio. O coma induzido pelo materialismo marxista, nos deixou parvos e sem ação. 

 Os demônios travestidos com a roupagem do bom mocismo e da ciência, colocarão as pessoas de joelhos, (aqueles que não creem no Cristo) estão fadados às manipulações demoníacas e aos genocidas modernos, que se utilizam da linguagem histérica do coletivismo. Assim como foi, em todas as ditaduras do século XX.

 Porém o poder do qual os demônios detém hoje, é infinitamente superior ao do passado.

 A displicência das nações as fará refém de sua ignorância, a falta de zelo para com a verdade, as tornará escravas da mentira. A arrogância da estupidez lhes custará a liberdade e a vida. Não há caminhos fáceis para nenhum de nós. Aqueles que ainda dizem que “a verdade é subjetiva e que todos estão certos em suas próprias perspectivas”, terão seus olhos arrancados e suas vísceras, será para alimentos dos corvos e dos abutres. Pois não enxergam nada, além de sua própria arrogância e seu alimento nada mais é que sua própria estultícia e egoísmo. Por serem incapazes de seguir a verdade, oque é belo e valioso, estimulam seus próprios desejos como o ápice de sua humanidade. Pobre dos homens! 

 A substituição do LOGOS divino por deidades, como a mãe terra, os deuses do espaço, a ciência dogmática, ideologias, governos, homens e etc… deixou-nos tateando no escuro.

 Toda essa desconstrução da realidade, nada mais é, que o distanciamento do CRISTO. Aquele que se afasta da luz é incapaz de ver sua imundícia. Atolados na escuridão e com sua percepção já deturpada pela oratória do Leviathan, vão com cordeiros ao matadouro. O canto da sereia apraz suas egolatrias. A “autenticidade” não passa de um plágio grosseiro do iluminismo, cuja o único desejo é seu próprio opróbrio. Uma vez que inconscientemente a verdade está cravada em nós e por este fato os homens se degradam tanto, pela vergonha perante o LOGOS,  O CRISTO, O SENHOR ONIPOTENTE que fez todas as coisas e nos deu a vida. Então só a um meio de fugir da vergonha. Afundar-se na lama, na podridão, na escuridão e em tudo aquilo que O NOSSO SENHOR pediu para não fazer.

 Esqueça as retóricas vazias do pensamento positivo, dos livros de auto-ajuda, dos guias, das cartas e tantas outros desvios que você já tenha passado. Nada disso vai te salvar!  Enfrente a realidade, o diabo está no mundo e age com muita astúcia. Não se deixe enganar pelo mundo, por políticos, pastores, padres e etc… Lute pela sua salvação e pela salvação de sua família. Ainda que você esteja sozinho, não pare de lutar. 

“Moderação na defesa da verdade é um serviço prestado a mentira” Olavo de Carvalho

Eu já vi este filme.

Aquilo que parecia impossível se tornou realidade.
Hoje pessoas estão ligando para a polícia e entregando seus vizinhos que não querem cumprir a quarentena.
Sabe aonde isso aconteceu antes?
R: Na Alemanha Nazista, no Comunismo da U.R.S.S e na Itália Fascista.
Estamos vendo uma escalada monstruosa de perseguição da liberdade em “virtude de um bem maior”.
Sabe aonde existiu este mesmo discurso?
R: Na Alemanha Nazista, no Comunismo da U.R.S.S e na Itália Fascista.
Decretos e mais decretos que expropriam propriedades, empresas e empréstimos compulsórios de CNPJ para o estado
Sabe aonde isso aconteceu no passado?
R: Na Alemanha Nazista, no Comunismo da U.R.S.S e na Itália Fascista.
Juízes caçando as liberdades de manifestações e do pensamento.
Adivinha aonde isso sucedeu?
R: Na Alemanha Nazista, no Comunismo da U.R.S.S e na Itália Fascista.
A semelhança dos atos não é pura coincidência.
Assisto essa marcha Orweliana atônito com a atitude dos populares. Que muitas vezes batem palmas a tais medidas, com alívio quase insano, na expectativa de que estes decretos os mantenham vivos.
Essa ingenuidade, ignorância ou maldade mesmo, nos remete ao estado atual.
Sabemos onde isso vai dar.
Qualquer um que desconhece os erros do passado está condenado a repeti-los no futuro.
Estamos diante da profecia de Nossa Senhora de Fátima que diz “os erros da Rússia se espalhará pelo mundo”. Cegos pela devoção ao estado laicista, perdemos a conexão com o divino, de tal modo, que nos tornamos incapaz de ver a verdade. Embora essa verdade peremptória clame pela observância, não a vemos.
Hoje somos bombardeados pela mentira, a maledicência e a abraçamos como uma tábua de salvação para sairmos desta vivos.
A que ponto chegamos? Autorgamos aos carrascos o destino de nossas vidas.
Estamos entrado em um estado de coisas, em que não haverá mais volta.
A manipulação ininterrupta pelos veículos de mídia, pelo poder econômico e pelas ideologias se impregnam no senso comum, como um parasita, se alojando nas mentes mais suscetíveis e transformando-os em agentes orgânicos dessas ideologias destrutivas, por fim estes mesmos agentes serão os primeiros a ser destruídos pelo parasita.
Como pode essa barbárie acontecer? É simples, pelo medo e terror.
Na mitologia grega Ares tinha dois filhos que sempre o acompanhavam nas batalhas Phobos e Deimos. Phobos é o deus do medo e Deimos o deus do terror.
Ares utilizava seus filhos para fragilizar seus oponentes, uma tática antiga, que foi aprimorada com o passar do tempo. Mas se mostra muito útil psicologicamente, pois perturba o campo da cognição, impedindo as pessoas de avaliar a realidade. Incapazes de analisar a realidade, as pessoas acabam por ceder a covardia e entregam suas vidas a’queles que minaram e persuadiram “de que tudo que é para seu próprio bem”.
Infelizmente o povo esqueceu que o preço da liberdade é a eterna vigilância.

EX POST FACTO

ex post factoOs agentes globalistas, marxistas conscientes e inconscientes farão um upgrade na escala de terror, criada pelo vírus chinês. A primeira onda foi criada e o impacto mundial foi um sucesso, devida a falta de estrutura psicológica das pessoas, que durante séculos foram submetidas aex post facto engenharia social e desestruturação moral. As consequências desta tirania psicológica de propaganda é sentida hoje, quando observamos pessoas abdicando de sua liberdade por um pouco de segurança. Frase da qual Benjamin Franklin sabidamente pronuncirará.
Hoje às pessoas não só abriram mão de sua liberdade, mas também se tornaram agentes inconscientes do aparato revolucionário, tanto da Nova Ordem Mundial, quanto do Marxismo cultural.
O princípio da derrocada do verossímil teve seu início em Martinho Lutero, apóstata católico que subverteu o Cristianismo a uma seita da qual ele mesmo cita CRISTO como um adúltero. “Cristo Adúltero. Cristo cometeu adultério pela primeira vez com a mulher da fonte [do poço de Jacó] de que nos fala São João. Não se murmurava em torno dele: “Que fez, então, com ela? ” Depois, com Madalena, depois, com a mulher adútera, que ele absolveu tão levianamente. Assim, Cristo, tão piedoso, também teve que fornicar, antes de morrer” (Lutero, Tischredden, Conversas à Mesa, N* 1472, edição de Weimar, Vol. II, p. 107, apud Franz Funck Brentano, Martim Lutero, Ed Vecchi Rio de Janeiro 1956, p. 15).
Neste episódio abriu-se as portas para tudo oque presenciamos hoje. Após esse duro golpe contra a fé Cristã, pode-se então dar início a sua derrocada. Óbvio que ainda não havia como presumir que isso aturdiria o mundo séculos depois. No entanto, é preciso notar que a simples suspensão da verdade pode afeta-la perante os leigos, gerando uma celeuma incontrolável, que posteriormente seria acolhida pelos inimigos da verdade, podendo assim transvestir-se da mesma para ampliar o poder da mentira.
Após a criação herética e talvez involuntária de Lutero, o mundo se viu diante de uma conturbada dialética. “Qual será a verdade?”
Observando os desdobramentos ocosionados pela ruptura com a igreja católica, os países viram uma oportunidade de construir a sua própria “verdade”. Por consequência os escolásticos e aristotélicos foram sendo silenciados e suprimidos dos anais da história. Ascendeu-se então a maior aberração da história a Revolução Francesa, onde se pervertia toda a veracidade do Divino. Deus agora era uma criação do Homem, a coroa da criação humanista, já pré-concebida em meados de 1300, ampliada magnificamente por Erasmo de Roterdam (1466-1536), o “príncipe do humanismo” que foi beatificado involuntariamente por Rosseau e seguida por Robespierre em 1789. Começava ali o Iluminismo na clara intenção de destituir ainda mais o prestígio da igreja católica. As palavras eram Igualdade, Fraternidade e Liberdade. Oque em primeira vista nos soa muito aprazível. No entanto, não devemos nos furtar dos efeitos da ponerologia que os leigos haviam sofrido, pela deturpação da verdade. Então três fontes políticas arrogaram-se o supra-sumo das ideias. Igualdade-“Comunismo”Socialismo/ Fraternidade-Fascismo/Liberdade-Liberalismo.
Obviamente que os três estão totalmente destituídos dos valores Cristãos, esses mesmos valores que fundaram o ocidente não estão de maneira nenhuma alocadas nessas correntes. Uma vez que essas correntes vizavam destituir o Logos Divino e endeusar o Homem como o operador da história.
A história pós Iluminista agora, será o massacre da verdade, onde tudo será relativizado inclusive a própria história. Neste meandro relativista será quebrado as autoridades até então divinas e serão substituídas por políticos e esse embróglio culminará na 1° guerra mundial. A monarquia foi destronada com apenas um ato digamos assim “confuso” entre dois países relativamente pequenos e com pouca expressão mundial, politicamente falando (Áustria-Hungria e Sérvia).
Contudo, havia alguns processos políticos escusos em andamento, um deles era a tomada de territórios russos, pelas potências centrais, o tratado de Brest-Litovsk, foi o acordo de Lenin com os alemães. Que implicava em duras perdas a Rússia. Pós 1° guerra é a vez da Rússia favorecer a Alemanha Nazista, oferecendo terras para a produção de armamentos e tanques,(O Pacto Molotov–Ribbentrop) pois o tratado de Versalhes proibia a Alemanha de produzir aviões e canhões militares, entre outras imposições. Então no princípio da 2° Guerra mundial, vemos o fascismo e o comunismo juntos, faltava então o liberalismo, afinal os três tiveram a mesma gestante (a Revolução Francesa). As três então guerriaram entre si. Primeiro juntou-se o liberalismo e o socialismo contra o fascismo e depois de combater o fascismo, começa a guerra “fria”, liberalismo x socialismo. Mas então surge o progressismo uma linha política que “reuniria” os três pilares da revolução outra vez.
O progressismo por sua vez sabia que para cooptar as nações precisaria de um aparato monstruoso e viu na ONU seu maior triunfo. Com a criação da ONU está consolidado o aparato do Globalismo, uma monstruosidade supra-nacional que fará intervenções mundiais sem nenhuma represália. Concebida essa idéia, começa então a força da propaganda ampliada magnificamente pela URSS e financiada pelos EUA. Feita todas as considerações mais pertinentes, voltemos agora ao presente.
Onde quero chegar com toda essa história? Bom quis ilustrar neste texto acima, como o estado molda o imaginário popular conforme suas pretensões, modificando em primeiro lugar a base moral, (conceitos estruturais consolidados por gerações, para se constituir uma nacionalidade ou um sentido de pertencimento social) após esse golpe psicológico panfletário induzindo a população a imoralidade, se perde o sentido de pertencimento, agora não há mais alianças sociais que estruturem uma sociedade saudável, para então se opor as excrescências dos políticos Globalistas infiltrados nas mais altas cortes de um país.
Deixando assim o povo a mercê do terror apocalíptico da mídia.
A histeria coletiva aprisonará os leigos e dará liberdade ao leviatã.
A supressão do Divino, impossibilitou os homens de enxergar o ardil do diabo na história, transformando-o em um mero conto para amedrontar crianças. Esqueceram da serpente que enganou os homens com meras palavras e agora os engole vorazmente sem encontrar resistência.
O Bahamuth foi enganado por seu ventre, a fome por vaidades supérfulas nos fez cair na hedonia. Embriagados pelo prazer esquecemos as virtudes e andamos a passos largos para a destruição dos homens.
Assim se fará o término dos homens como conhecemos.
Então um novo Homem nascerá, forjado da virtude da FÉ em DEUS nosso Pai, que através de SEU Filho nos deixou uma mensagem que nunca deveria ter sido esquecida. “EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA” João 14:6.